9 de out de 2010

Sucessão presidencial: As mulheres ocupando espaço na política

O Brasil passa por uma eleição atípica! Duas candidatas concorreram com reais chances de se tornar a nova Presidenta da República. Presidenta? É isso mesmo, Presidenta da República, segundo o respeitado dicionário Aurélio.
Temos que comemorar, meninas! Não quero aqui fazer campanha para A ou B, esta matéria se restringe ao fato de estarmos, cada vez mais, ocupando nosso espaço e fazendo diferença em tudo aquilo que nos propomos a trabalhar.
Esse fato é um avanço e consequência de toda luta diária que nós mães, filhas, trabalhadoras, donas de casa, temos que lidar e nos adaptar a todas as funções que assumimos. Independente de quem vença essa eleição, acredito que os frutos já começaram a amadurecer e modificar o papel da mulher dentro da sociedade.
Marina Silva, candidata à Presidência, afima "O Brasil está preparado para ter uma mulher na Presidência da República. Tem sinalizado isso. Caberá a quem está na disputa como mulher, conquistar e convencer os votos dos eleitores. Não sou eu que vou dizer isso. Mas que bom que o Brasil está preparado".
Dilma Roussef, por sua vez, ganhou o apoio de algumas entidades femininas, uma delas é a UBM União Brasileira de Mulheres, a qual afirma "Apoiamos Dilma porque seu futuro governo defende a conquista de um Brasil com mais desenvolvimento e soberania, com distribuição de renda, socialmente equilibrado e ambientalmente construído. Nós mulheres continuaremos a luta contra a violência do gênero, exigindo o cumprimento da Lei da Maria da Penha, batalhando por casas-abrigo e centro de referência".
O importante é procurarmos cada vez mais nos envolver nas decisões importantes do nosso País, de nossa sociedade, comunidade, condomínio, etc.. Não dá mais para sermos apenas meras coadjuvantes na história. A diferença na política, a não ser que você queira se candidatar, é votando de forma consciente. Espero que nos próximos anos tenhamos muito mais avanços para comemorar! Abraços, peruas!

8 de out de 2010

Brasil: o padrão de beleza condiz com nossa população?

"Mulheres loiras, magras e jovens ainda representam um padrão de beleza no Brasil. Para valorizar e promover a diversidade cultural, o país precisa desconstruir estereótipos como esse e aceitar padrões nacionais de beleza, como a pele negra e os cabelos cacheados. A opinião é da conselheira para as Nações Unidas (ONU) na Unidade de Cooperação Especial Sul-Sul, Lala Deheinzelin. Ela participou esta semana do Seminário Internacional sobre Diversidade Cultural, em Brasília." 


Infelizmente, a declaração acima reflete a mais pura realidade no nosso país, que é formado por uma miscigenação de raças, etnias, e pela nossa própria história de colonização, somos um país onde a maioria da população é negra, parda ou índigena.

No entanto, o que vemos na televisão em novelas, comerciais, programas de TV e etc são mulheres com perfil que não representam o nosso país, pois são mulheres brancas, altas, magras, sem curvas, com aparência nórdica. Isso é o que a mídia tem pregado como ideal de beleza, e muitas tem se tornado escravas deste. 

E mesmo que não sejam escravas, acabam no seu subconsciente armazenando e exteriorizando isso, é só observar suas amigas, ou até você mesma(meu caso), o quanto você não gasta com o salão para ficar ou permanecer loira, ou com luzes, o quanto você paga para deixar seu cabelo mais liso que pau de sebo, o quanto a maquiagem q você usa é para dar um aspecto mais claro no seu rosto, pois é e você achou que estava de fora???(tolinha!!)

Quando se realiza concurso dos tipos "Beleza na favela",  "Garota da Laje", encontramos nesse momento as verdadeiras mulheres brasileiras, nas suas mais variadas formas fisicas, e nos deparamos com mulheres de estatura média, negras, com um bumbum saliente, nariz avantajado, cabelo preto e cacheado, e some aquilo que a mídia prega.

Porém, quando assistimos na TV concurso do tipo para escolher modelos brasileiras, nos deparamos com garotas selecionadas que mais aparentam uma mulher da europa, do que uma mulher brasileira, pois são mulheres magras, altas, sem bunda, ainda que sejam negras, tem traços finos, nariz afilado, e são as que estampam a capa de revistas, folhetins adolescentes e recebem os melhores salários, cachês, e são as selecionadas para reality shows da vida....



E será que isso é problema? Na verdade só é quando induz a jovens, adolescentes, mulheres num geral a buscar uma beleza inatingível, e acabam perdendo o essencial, quem elas verdeiramente são; é problema quando as verdadeiras mulheres brasileiras são contratadas em novelas para fazer papel de escrava, doméstica, pessoa economicamente desfavorecida; é problema quando a mídia faz nos sentirmos incomodadas com quem realmente somos, e buscamos através de recursos de plásticas, industria de comésticos, ficarmos próximo do que eles nos impõe como modelo.

Quero que entendam que não estou aqui fazendo crítica as mulheres que buscam ser bonitas, mas estou sim, fazendo critica a você que quer ser a mulher A ou B que você viu na revista, na novela, e aquela mulher não é você...

Eu sou a favor de nós buscarmos sempre estarmos melhorando, ficando mais belas, mais dentro dos nossos limites e padrões naturais ,e sinceramente faço minhas essas palavras abaixo:

"O que está certo afinal? Passar a vida fazendo regime ou aceitar estar “fora do padrão”? Será que vale a pena se torturar tentando ter aquela imagem que essa mídia diz ser perfeita ?  Acredite: VOCÊ É BEM MELHOR DO QUE A INDÚSTRIA QUER QUE VOCÊ SEJA! Invista em você, não pra seguir um padrão, mas pra ter qualidade de vida, alto estima(sic! - autoestima) e saúde." Fernanda Miranda Fonte: http://www.vivaitabira.com.br/viva-colunas/index.php?IdColuna=105

7 de out de 2010

Unhas à la Louboutin!

Estou aqui, escrevendo a matéria, com minhas unhas francesinhas e pensando em quanto as mulheres são criativas! Peruas, quando achei que tudo já havia sido criado, sempre vem alguém inovando.
Pois é, a novidade agora são as unhas Louboutin, inspiradas nos sapatos de Christian Louboutin, designer, criador daqueles famosos sapatos de sola vermelho sangue. Lindo, né? Nós, apaixonadas por moda, estamos cansadas de vê-los nos pézinhos das tops stars.

Agora, basta imitar! A combinação preto e vermelho sangué é mais clássica, mas nada a impede de criar suas combinações, procurando sempre deixar o esmalte escuro na frente e o mais claro na parte de trás da unha. A intenção é evitar que pareça sujeira. Então, cuidado! Acredito que as cores fluorescentes opacas devem ficar bem legais.

O efeito é alcançado com muita paciência. Basta pintar de baixo pra cima a parte de trás da unha. Limpe o excesso de esmalte e ao secar, faça normalmente sua unha na parte da frente! É isso peruas! Espero que tenham gostado da novidade. Aproveitem para tirar elogios no feriadão com suas unhas à La Louboutin! Bjos!

6 de out de 2010

Grana curta e armário velho, o que fazer?

Depois do texto e das dicas da Boneca você deve ter se identificado com as situações, pois eu mesma me achei ali naquele texto inteiro, rs, e fiquei pensando, mas e aí eu tenho muita, mas muita dificuldade em criar um fundo de reserva, recebo honorários, salário, qualquer dinheiro na minha mão é vendaval...

E rola mesmo aquela vontade de passar no shopping e fazer umas comprinhas, teve um dia que fiz isso, quase tive que deixar meu olho lá,  então tomei uma atitude audaciosa, sai correndo para minha casa e fui ver TV.
Mas nem sempre a gente consegue fazer isso, e o pior quando realmente  precisamos comprar algo, cadê o dinheiro? Para o cabelo, unha, ou vestido de aluguel ou mesmo um novo para ir a um evento social....pois é meninas, isso é muito triste!

Semana passada me deparei com essa situação, eu tinha um cineminha para ir com uma galera, e olhei para o meu armário,  minha gente!!! Fui abatida por um tédio tão grande, tão grande que quase desmarquei o evento social, e fiquei triste, pois eu não tinha um trocado para ir ao shopping, arrazador isso!

Eu sempre fui uma pessoa ligada em feirinhas, bazar, coisas alternativas, mas foi passando o tempo, e fui dando preferencia a qualidade do que a quantidade, acabei me acostumando com o shopping, pois lá é mais fácil de você se deparar com as roupas da tendência e de ótima qualidade...mas, entratanto, todavia, diante da vontade e do poder, resolvi resgatar meu lado alternativo....

E segue justamente as dicas para você que não consegue poupar dinheiro, primeira dica: comece a poupar....rs, é sério, a Boneca está certissima, muitas mulheres trabalham, trabalham e na hora de aposentar cadê as reservas???? Segunda dica: adote os lugares alternativos, como as feiras dos centros urbanos da sua cidade, procure saber onde estão rolando os bazares, detalhe: muitos são de roupas de marcas, de ótima qualidade e conservação, e essa é uma prática muito comum entre as famosas americanas....não tenha preconceito :)

E o término da minha briga com o armário? fui na Citylândia(ceilândia) Feirão da moda e fiz a festa, comprei altas roupinhas de renda, vestidinhos tudo num preço especial e ainda pedi desconto! Pronto, estava com novas peças e muito feliz!

Seguem algumas dicas para o DF:


E segue algumas dicas para o restante das garotas no Brasil:

5 de out de 2010

Você cuida bem das suas finanças?

Muitas vezes escutamos falar sobre economia, taxa de juros, inflação, crescimento econômico, assuntos que passam despercebidos pela nossa mente. Não se sinta culpada. Alguns pensam que a mente feminina está mais ocupada com bolsas, roupas, maquiagem, etc.. Isso não é verdade! A falta de interesse está muito mais relacionada à falta de educação financeira do que qualquer outro aspecto.
Temos que mudar essa realidade! Um dia desses fiquei impressionada ao ler o blog da jornalista Denise Godoy, pós graduada em finanças (http://www.colunistas.ig.com.br/seudinheiro), no qual informava que era alto o número de mulheres que ao chegar na idade da aposentadoria estavam desamparadas, sem dinheiro, pobres. Essa situação, segundo a jornalista, era decorrente do nosso espírito materno, de pensar sempre nos outros primeiro, tentar ajudar os amigos, filhos, namorado, etc., em detrimento do nosso próprio sustento. A solução: manter sua vida financeira em ordem primeiro, pensar no seu futuro, na sua vida na aposentadoria e, assim, você poderá ajudar muito mais quem te cerca.
Um planejamento em finanças pessoais deixou de ser assunto só de economistas. Isso é lógico, se você não quiser entrar na constatação acima informada. O importante é percebemos que a regra deixou de ser, apenas, gastar menos do que se ganha, e sim, planejar o uso de todo o seu dinheirinho.
Eu sei como é chato no final do mês pagar todas as contas e no final não sobrar nada. Conhecimento próprio! Por isso, é importante sempre anotarmos todos os gastos. Até com as balinhas pra colocar dentro do carro! Às vezes, gastamos tanto dinheiro com besteiras que nem percebemos.
Outra dica é sempre pegar uma parte do seu salário e fazer um investimento. Hoje em dia, no mercado, existem muitos investimentos que não se resumem apenas à poupança. Temos Certificados de depósito bancário, Títulos Públicos, mercado de ações e você pode se informar melhor sobre esses produtos direto com o seu gerente. Ele vai te indicar um produto mais adequado ao seu perfil de investidora. Veja esse investimento como se você estivesse pagando pra você mesma.
Acredito que os nossos vilões nessa área de finanças sempre são o cartão de crédito e o cheque especial, nos quais os juros são altíssimos e contamos com ele como se fosse o nosso próprio dinheiro. NÃO É! Esse dinheiro é financiado e os juros giram em torno de 6% a 13%! Cuidado!

No mais, evite comprar por impulso! Se você estiver carente, precisando de alguma coisinha pra se sentir melhor, vá correr, vá ao cinema, à Igreja, qualquer lugar! Mas, não compre!!! Leve sempre uma amiga e já avise antes pra ela te proibir de comprar qualquer coisa! Quantas vezes compramos coisas que não precisamos e ela fica ocupando espaço na sua casa, sem que você a utilize.

Essas são apenas pequenas dicas. Procure conhecer mais sobre o assunto, conversar com amigas que tenham mais experiência que você ou procure obras e sites na internet. Eu já indico o blog da Denise Godoy e o livro do Gustava Cerbasi, Casais inteligentes enriquecem juntos! Também, vale para as solteiras! Acredite!

É isso peruas, tomem conta do seu dinheirinho e se ficarem ricas... não se esqueçam das amigas aqui! Ahahah bjinhos!

4 de out de 2010

Meninas que perderam a chance de ser meninas!

 
Infelizmente, o nosso país ainda tem um alto índice  de exploração sexual infantil, e muitas das nossas princesinhas estão perdendo a sua infância em prostíbulos, beira de estrada, e até mesmo em casa.

E hoje o nosso blog faz um alerta à você adolescente, que muitas vezes está na sua casa, colégio, etc, sendo vítima de abuso sexual do seu pai, padrasto, irmão, qualquer pessoa, e tem sofrido ameaças em caso de revelar a verdade para sua mãe, amiga, professora, etc.  para denunciar, compareça a uma delegacia e peça apoio, e lhe será dado.

Muitas jovens se tornam adultas marcadas pela violência, e infelizmente, a violência fica entre as quatro paredes do desespero, a violência sexual, a prostituição infantil, são crimes, e devem ser denunciados.

Não fechem os olhos para a realidade do nosso país, não fechem a mão para as mazelas da vida, nós como mulheres devemos mudar essa história, e começa as vezes no trajeto do nosso trabalho, da nossa casa, são meninas que não conhecem o significado da palavra: Amor.

Na bíblia diz:"não só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que procede da boca de Deus", eu quero que você mulher, jovem, adolescente, entenda que não basta dar dinheiro, dar roupa, comida para mudar o destino dessas jovens, temos que dar sentido a vida delas, dar um propósito em que elas se firmem e desejem viver dia após dia.


Não falo aqui de religião, não é o foco do blog, mas falo aqui do que Deus nos ensina sobre o amor ao próximo. Você teve a sorte de nascer, crescer numa família que lhe deu condições de estudar, de aprender valores, ainda que não veja como a melhor família, mas saiba que muitas queriam estar no seu lugar.

E algo que muito tem crescido na nossa sociedade é a prostituição como forma de alcance social, muitas jovens acabam se prostituindo para andar na moda, para ter aquilo que muitas outras desprezam e mesmo as que possuem família, pai, mãe, mas perderam algo fundamental, o amor próprio.

Então valorize o que tem, pois, infelizmente, muitas meninas perderam a sua infância, e recuperá-la é impossível, mas fazê-las ter um novo começo, escrever uma nova história é possível, desde um primeiro gesto de amor pela vida dela.

Procure fazer parte de algum projeto que transforma vidas!

3 de out de 2010

Polêmica é ser gordinha, ou ser gordinha na moda? Gordinhas também podem!



Hoje, minha amiga querida, Donna, me deu a difícil missão de ajudá-la a escrever as matérias no blog. Babem peruas! Fiquei super feliz. Era tudo que precisava pra ocupar a mente e me ocupar com algo que realmente valha à pena. Tirando as lamentações de lado (aff! TPM) ... me apresento como Boneca com Manual. 

Primeira missão: escrever uma matéria sobre moda para gordinhas. Hum, nem chegou a ser tão difícil já que sou uma viciada em programas sobre moda. Você também!?!?! Já vi que vamos virar amigas! Seguindo em frente! 

Quando falamos em moda, independente de você ser gordinha ou magra, você deve, primeiramente, respeitar o seu estilo. Não dá pra colocar uma pena de pavão na cabeça se você não tem a atitude para sustentá-la. Então... vamos falar das questões básicas. Seguem as dicas:

- Abuse das listras verticais, independente de serem largas ou finas. Elas vão sempre valorizar o seu look;

- Evite deixar os braçinhos de fora. Prefira as mangas mais soltinhas, no estilo morcego. O importante é deixar seu braço se movimentar.

- O preto sempre foi e será o melhor amigo de toda mulher. Mas, não é necessário que você viva um luto eterno. Cores são muito bem vindas. Roupas lisas e estampas com figuras pequenas e não muito espaçadas entre si, sempre caem bem. 

- As gordinhas, em sua maioria, possuem um belo busto, então aproveite pra colocar aquele decote e demarque também a cinturinha com um cinto ou faixa de tecido, a qual deve ser, preferencialmente, do mesmo tom da roupa que você estiver usando;

- Salto alto, outro aliado. Alonga a sua silhueta e melhora a postura. A nova moda são os sapatos nude, cor de pele. Abuse deles ao usar um vestido e, se for usar com calça, prefira um sapato no mesmo tom, que não quebre a sua imagem. Essa dica também vale para as baixinhas, como eu!

- Evite qualquer estampa ou detalhe na área do quadril, chame a atenção para os seus pontos fortes;

- Use bolsas com cores diferentes do seu vestido ou blusa. Essa coisa de deixar tudo “combinandinho” já saiu de moda, fora que se você usar uma big bolsa da mesma cor de sua roupa você irá parecer maior do que é. É tudo ilusão de ótica; e, por último;

- Deixe seus casaquinhos, blazer, colete sempre abertos pra criar uma linha vertical no seu corpo.


É isso, espero que aproveitem as dicas que valem para todas nós! Foi um prazer dividir um pouquinho do que sei com vocês! Beijos, peruas! E vamos que vamos, segundona vem aí!

Queridas, após essas dicas sensacionais da minha amiga "Boneca com manual", a qual fico imensamente honrada e feliz de contar com a parceria dela e parabéns pelo seu começo fenomenal, quero que vocês encarem a moda não só como uma ação afirmativa, mas como uma ferramenta que pode exteriorizar quem você é, não adianta vestir algo que não diz quem é você.

A indústria da moda infelizmente massacra as gordinhas, colocando "G" nas etiquetas e muitas vezes são "M" e acabam fazendo com que mulheres saiam arrasadas das lojas.

Não se torne escrava da moda, se torne só uma pessoa resolvida e feliz, e se você estiver triste com o visual, então mude a sua atitude, afinal se buscarmos mudar a indústria da moda por causa do que pensamos, estaremos só sendo mais preguiçosas e com a mesma visão que a deles: limitadas, pois eles que perdem em não buscar alcançar mais esse mercado para as gordinhas.

Saibam que não é por você ser gordinha que não possa namorar, casar, encontrar um cara ma-ra-vi-lho-so, você também é uma princesa, e merece sim o seu principe, ou melhor, "o seu vampiro do Volvo prateado", pois conto infantil a gente sofre muito para ser feliz no final!

Por isso, aprenda primeiro a ser feliz com você mesma, quando você for feliz sozinha, você estará pronta para ser feliz a dois! e daí ABUSE E USE!!!!!

Bjinssss!