30 de dez de 2013

Bastidores pós cirurgia plástica!

Meninas após mais de um ano sem publicar, acredito que 2014 está aí para reativar esse blog e que seja um ano novo com bençãos dobradas!

E vamos começar com algo que muitas colocam nos seus projetos/metas para um ano que se inicia e as vezes não descobrem o que realmente devem planejar.
imagem retirada do google imagem
Em 2013 tive muitas, mas muitas coisas, foi um ano corrido, meus projetos para ele feitos em 2012 foram se materializando e um dos últimos a acontecer foi a realização da minha cirurgia plástica, vou ser especifica sobre a abdominoplastia e mamoplastia de aumento.

Não quero cair no discurso comum dos outros blogs sobre essas cirurgias, mas quero falar para vocês coisas que as vezes ninguém fala, e eu mesma fui pega de surpresa, mesmo tendo consultado diversos blogs e amigas que que fizeram a cirurgia e a primeira pessoa a se consultar: o especialista.

Então, em julho de 2013 visitei o último cirurgião plástico da minha lista e acabou sendo ele o escolhido a realizar o meu projeto, ele me passou o valor da cirurgia, e ainda o serviço dele seria dividido em parcelas igual as casas bahia, sendo obrigatório o pagamento à vista somente da prótese de silicone de mama, clínica e anestesista.

E me programei para realizar minha cirurgia no dia 21 de dezembro de 2013, meu primeiro dia de recesso do trabalho, daí minha correria começou em outubro quando comprei minha prótese, pois para mim basicamente era isso e me cuidar no pós-operatório.

Chegando o dia da cirurgia, foram aumentando as preocupações, pois surgiam as necessidades, eu por exemplo moro numa casa cheia de escadas, e que para este tipo de cirurgia é necessário evitar este esforço físico, então comprei uma cama box solteiro para colocar na sala que dá acesso a cozinha e banheiro e estou isolada neste ponto da casa.

Vamos para o grande dia, muita tensão, nervosismo e na espera da conclusão de uma cirurgia que estava marcada antes da minha pelo mesmo médico eu de jejum de mais 24 horas, e é jejum total, nem água, fui avisada que minha cirurgia só poderia ser realizada no dia 23 de dezembro, gente como eu queria matar o médico, equipe, eu não estava preocupada se iria começar as 21h e terminar as 2h da manhã, eu queria fazer, mas Deus sabe de todas as coisas, passado o momento de raiva e voltado frustrada para minha casa, voltei dia 23.

Terminada a cirurgia de cinco horas, voltei para o quarto, aí aquele momento que você pensa, o mais difícil já foi, agora é só repouso e recuperar logo, gente é o que vou começar a descrever para vocês, que por falta de informação eu não me preparei devidamente para este momento tão importante quanto o da cirurgia: pós-operatório.

Cheguei em casa e fui direto para minha cama, gente que terror, moro somente com minha mãe, daí cheguei, deitei, que sensação horrível, a cama era extremamente baixa e eu não conseguia levantar e nem ser levantada, afinal só tinha exatamente 24 horas que eu tinha feito a cirurgia, não tinha forças, nada, tive que chamar um segurança do meu condominio para que me ajudasse, daí a idéia, retirar a cama auxiliar e colocar sobre a cama. 

É importante saber que a cama deve ter no minimo 1m de altura do chão, menos que isso vai por mim, vai ser difícil. Ademais, é necessário ter muitos travesseiros ou qualquer coisa que te dê altura nas costas e nas pernas, pois você deverá por um bom tempo dormir de barriga para cima, e pernas para o ar, eu sabia disso e havia comprado diversos travesseiros os mais macios e confortáveis possíveis, mas esse foi um dos problemas, a maciez. Eu os colocava sob as pernas e afundavam, e mais travesseiros e nada, gente tive que colocar um "puff" de madeira deitado para poder encontrar a posição ideal.

imagem retirada do Google imagem


E veio o dia seguinte, vamos tomar banho? Queridas, tomar banho é algo que você percebe o quanto é complexo quando na clinica te dão banho e te colocam a roupa para ir embora, a roupa que você irá usar pelos próximos três meses, sendo o primeiro mês em período integral: a cinta, mas quem diria que colocar uma cinta fosse quase uma cirurgia de tão complicada de vestir que é, parece que você está sendo embalada à vácuo. Daí você percebe que sua amiga, irmã ou mãe não vão dar conta e você precisa de alguém que tenha conhecimentos específicos para isso, pois o banho também requer um cuidado especial de higienização e que também possa te embalar à vácuo na cinta. Eu não poderia fazer qualquer tipo de esforço em razão da prótese, Deus me livre arrebentar os pontos.

Neste momento você começa a correr atrás de contratar alguém que possa dar banho em você, colocar a cinta, fazer a higienização com gases, álcool, dersani, e tudo aquilo que seu médico passar, afinal você só tira a roupa praticamente uma vez por dia, pois existe a abertura igual da foto acima para você fazer suas necessidades e detalhe, há algumas que você não conseguirá fazer sozinha, alguém terá que ajuda-la, pois no meu caso a prótese impedia que eu fizesse movimentos bruscos e longos com os braços. E você havia previsto isso? Não, claro que não. Saiba que essa hipótese é mais real do que você imagina.

imagem retirada do Google imagem







Foto retirada do Google imagem
O que é necessário ter no minimo para seus cuidados no pós-operatório são duas cintas, toalhas, sabonetes antibactericida, luvas cirurgicas(eu nao tenho, mas é uma sugestão), gases, alcool 70, cadeira que caiba no banheiro, pois o banho sentada é regra, travesseiros mais rigidos ou "puffs" apropriados anatomicamente para a ocasião, a foto ao lado representa um emprestado pela minha vizinha que fez toda diferença na minha vida, meias de compressão, calcinhas largas, absorventes imensos, ou fraldas adultas, para quem sair com o dreno da imagem acima tipo o meu, bolsa em gel que substituam as compressas de gelo, roupas com sem mangas, sugiro vestidos com abertura na frente zíper ou botão, sandália rasteiras ou chinelas estilo da marca Havaina.

Eu pensei que estava acabando, mas como lembrei da minha hora marcada, gente drenagem pós-operatória é necessária, isso eu já sabia, tenho um casal de amigos que são donos da rede Spa e Cia aqui em Brasília e que oferece este trabalho maravilhoso, e uma equipe excelente para este seu momento, esta sendo muito importante para mim, pois é o segundo momento mais importante do meu dia após o banho.

Hoje tem exatamente 7 dias da minha cirurgia, mas eu tenho recebido muito apoio de amigos, familiares, com suas orações e carinho e que me permitem estar usufruindo de uma recuperação indolor, desconfortável, mas indolor, e caso você tenha variações no humor, é normal, e não queira comer também, mas não seja guiada pela sua vontade, mas sempre pelas recomendações do seu médico.

Um Feliz Ano Novo para todos!




Nenhum comentário:

Postar um comentário